quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

UMA NOVA PARCEIRA: A 4 ESTAÇÕES EDITORA

Apesar deste meu cantinho não ser um blogue literário, já estabeleci algumas parcerias muito interessantes com editoras e tenho conhecido muitas e muitas obras graças a elas. Não é que me tenham enviado muitos livros, pois também não é de todo essa a ideia, mas fico sempre a conhecer as novidades em primeira mão e acabo por explorar melhor os seus catálogos, o que me leva a um maior conhecimento sobre obras e autores.
Também não consigo ler muito depressa e gosto de o fazer por gosto, por isso vou intercalando leituras sugeridas com escolhas pessoais, com desafios e outros livros. 

Sendo assim, vim aqui para apresentar a minha mais recente parceira dentro do "mundo editorial": a 4Estações-Editora, um projeto editorial de Mário de Moura e Ione França.

Este projeto, fundado em 2014, tem como principal objetivo a edição de autores de língua portuguesa, seja sob a marca de "4Estações", dedicada à ficção literária, seja em áreas como a literatura juvenil, a espiritualidade, as medicinas alternativas e os livros práticos, através da chancela "O Castor de Papel".

Como costumo fazer quando apresento uma parceria editorial, vou deixar aqui os títulos que mais chamaram a minha atenção dentro do catálogo desta editora. Pode ser que um chegue até mim em breve!

Título: "Acordei como acordam os tolos, cheia de felicidades"
Autor: Ione França
Sinopse:
Neste novo livro, Ione França apresenta uma coletânea de textos, que intitula de Cantos, reflexões sobre o seu quotidiano, em prosa poética. Poesia madura e de grande sensibilidade e espirito crítico que por vezes nos desafia. Magicamente, a autora envolve as palavras com mantos diversos, seja o da fantasia ou o da crueldade, o da angústia ou da ternura, o da dor ou da alegria, o da revolta ou da compreensão. Cada palavra é como a peça de um puzzle que a poetisa ensaia armar para construir um quadro que revela a sua inquietude pela mesquinhez e crueldade da alma humana, mas também o seu conhecimento e aceitação da beleza e das surpresas do mundo em que vivemos. 

Título: "Louco por viver"
Autor: Roberto Shiyashiki
Sinopse:
Numa época em que é tão comum sentir-se perdido, vemos que a infelicidade e o desânimo se tornaram as coisas mais democráticas do mundo: quase ninguém escapa delas. Tanto para os jovens quanto para os mais experientes, é comum sentir que a empolgação muitas vezes se perde nos cantos do cotidiano e da rotina. Há quem não acredite mais em amor, desejo e prazer de viver a vida.
Chega um momento em que descobrimos que o prazer da vida não é algo que se compra nem se encontra no fundo de uma mala de roupas ou naquele pedaço de bolo de chocolate. Falta ... paixão.
No seu novo livro, Roberto Shiyashiki não promete nada; só toda a felicidade do mundo. Isso mesmo, leu bem. De alguma forma, a nossa loucura e a nossa paixão podem ter-se perdido, mas uma vida prazerosa e cheia de energia e desejo. Aqui, o leitor é convidado a realizar o impossível. Aquele projeto que sempre viveu guardado no coração, o emprego que vale a pena e valorizar os seus talentos, o relacionamento capaz de o fazer andas nas nuvens. Entenda como tudo isso está à espera do seu primeiro passo e deixe o autor mostrar-lhe como dar esse salto. A vida não é uma, a vida é muitas; e a sua está prestes a se reinventar.

Título: "O Escultor de Almas"
Autor: Mário de Moura
Sinopse:
O que é o amor? E o amar? Como nasce? Como morre? Porquê? Filipe, protagonista desta novela, afirma que o amor resulta de uma química de atração, como os elementos que se atraem ou se repelem. Será? Uma vez desaparecido, pode realmente o amor renascer e voltar à intensidade anterior? Até que ponto os homens conseguem entender e viver a gravidez das suas mulheres? 
Para Érica, a outra protagonista, mais do que um mero fenómeno fisiológico, a gravidez é um maravilhoso milagre. Será que é o que sentem em geral as mulheres? E a interrupção da gravidez? Como é aceite pela mulher? E pelo homem? No que difere quando é consensual, decisão individual ou acidental? E o que pode representar para o futuro do casal? Consegue uma jovem transformar-se profundamente graças a uma relação de amor? Ou isso só acontece na ficção? Esta novela levanta no seu decurso estas perguntas e tenta dar respostas.

3 comentários :

  1. Olá Marisa,

    Que boa novidade! Muitos parabéns! Espero que te proporcionem excelentes leituras. Os livros que apresentaste parecem.me boas sugestões.

    Beijinhos e boas leituras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada querida!!!
      Vou também poder fazer mais passatempos, o que é ótimo.
      Não sou é de andar a ler à pressa para dar resposta aos parceiros.
      O ritmo é o meu,.. a forma de estar também!!!
      Beijocas

      Eliminar
  2. És sem dúvida a melhor parceira ;)

    ResponderEliminar